ANUNCIE AQUI
073 9 9952-3037

Daniel Alves diz que Guardiola quis treinar a Seleção, mas não foi aceito

Por Itamarati Notícias terça-feira, 7 de julho de 2015 23:14:00 Comentários
Voltemos para 2012. Quando Mano Menezes foi demitido do comando da seleção brasileira, no final daquele ano, o nome de Pep Guardiola foi ventilado para substitui-lo. Ele havia deixado meses antes o Barcelona, onde ganhou todos os torneios possíveis, tinha o caminho livre, mas outro nome foi anunciado: Felipão. E, segundo o lateral-direito Daniel Alves revelou em entrevista nesta terça-feira à Espn Brasil, o treinador espanhol gostaria de ter assumido o Brasil naquela época.

- Eu pago por ser linguarudo, mas não conto mentira. Antes da Copa, o Pep (Guardiola) queria treinar a seleção brasileira e não quiseram. O Pep falou que queria fazer a gente campeão do mundo e tinha toda a estratégia e não quiseram. Falaram que não sabiam se o Brasil iria aceitar. Se não aceitamos o melhor do mundo, que pode nos fazer melhores, você não se preocupa com a seleção brasileira - disse o lateral-direito, em entrevista ao programa Bola da Vez.
Daniel Alves trabalhou com Guardiola no Barcelona e estava naquela época na seleção brasileira. Pelo convívio, o lateral sabe que Pep tinha até o time na cabeça, só não revelou qual era ele.

- Desde que eu estou na seleção, ele já tinha o time na cabeça, já tinha a equipe que ele queria para treinar o Brasil.
Por fim, não faltaram elogios ao treinador, que está há dois anos no Bayern de Munique e tem mais um de contrato.
- O Pep é o melhor treinador do mundo. O cara mais gestor esportivo que eu vi. Um cara que revolucionou o futebol, um time, uma equipe. Tivemos a chance de ter o cara sem ter que gastar, se o problema é dinheiro. A intenção dele era só receber se tivesse o resultado esperado pelo povo brasileiro. Você deixa passar uma oportunidade dessa? Você não pensa na seleção brasileira?
Fonte: G1