ANUNCIE AQUI
073 9 9952-3037

Ação da polícia resulta na prisão de duas pessoas e apreensão de muita maconha, arma e munição em Gandu

  • Por Itamarati Notícias quinta-feira, 21 de setembro de 2017 02:57:00 Comentários

    Além dos dois homens presos, os policiais apreenderam também uma menor e duas outras pessoas acabaram fugindo do local.





    Os dois suspeitos foram presos na tarde dessa terça-feira (19) por uma Guarnição do PETO. Na residência que Kaique Souza da Silva, 22 anos, e Lindomaciel Santana dos Santos, 27 anos, a polícia encontrou uma farta quantidade de drogas, arma e munições de diversos calibres. Além dos dois homens presos, os policiais apreenderam também uma menor e duas outras pessoas acabaram fugindo do local.

    Já no final da noite, após divulgar o resultado da ação, a polícia informou que foram apreendidos 116 tabletes de maconha totalizando 90 Kg e mais…
    ✅ 1,270 Kg de maconha já cortada;
    ✅ 44 trouxas de cocaína;
    ✅ 1 pedra de Crack pesando 403g;
    ✅ Mais uma porção de Crack pesando 50g;
    ✅ Uma barra de pasta base pensando 507g;
    ✅ Uma porção de pasta base pesando 83g;
    ✅ Uma porção de pasta base pesando 103g;
    ✅ Mais uma porção de pasta base pesando 54g;
    ✅ Uma balança de precisão;
    ✅ 1 revólver calibre 38 marca Rossi;
    ✅ Uma cartela com 10 cartuchos de 32;
    ✅ Duas cartelas com 10 cartuchos cada uma de 38;
    ✅ 02 munições calibre 45;
    ✅ 05 munições de 9mm;
    ✅ 1 celular Samsung;
    ✅ 2 celulares Motorola;
    ✅ 1 celular Nokia preto;
    ✅ Uma pochete com duas colheres, giletes, tesoura e uma faca utilizadas para cortar a droga;
    ✅ Pacotes de papel e plástico utilizados para embalar a droga;
    ✅ Dois cadernos com a contabilidade da venda da droga;
    ✅ 726,00 reais em espécie;
    ✅ Alguns documentos de outras pessoas que não estavam na residência;
    ✅ Uma motocicleta Honda/CBX Twister cor preta de placa policial JQD 9952.

    Todo o material apreendido, assim como os suspeitos presos foram apresentados na delegacia de Gandu e estão a disposição da Justiça.
    Fonte: Diário Paralelo