ANUNCIE AQUI
073 9 9952-3037

Em jogo paralisado por invasão da torcida, Vitória vence e rebaixa a Ponte Preta

  • Por Itamarati Notícias domingo, 26 de novembro de 2017 22:47:00 Comentários
    O Vitória conseguiu um triunfo heroico neste domingo (26). Após estar perdendo por 2 a 0, o Rubro-negro virou o jogo e venceu a Ponte Preta por 3 a 2, no Moisés Lucarelli, e saiu da zona de rebaixamento. André Lima e Tréllez, duas vezes, marcaram os gols do Leão. Com o resultado, a equipe comandada por Vagner Mancini chega aos 43 pontos e só depende de si para permanecer na Série A. O final do jogo ainda foi marcado por cenas lamentáveis. Os torcedores da Macaca invadiram o campo e protagonizaram uma confusão que culminou no fim da partida aos 39 minutos do segundo tempo.

    O próximo confronto do clube baiano será contra o Flamengo, às 16h (horário da Bahia) do próximo domingo (3), no Baradão, pela última rodada do Brasileirão. Com a pontuação, o Leão chegou à 15ª colocação na tabela.


    Ferrari Modena

    O Vitória conseguiu um triunfo heroico neste domingo (26). Após estar perdendo por 2 a 0, o Rubro-negro virou o jogo e venceu a Ponte Preta por 3 a 2, no Moisés Lucarelli, e saiu da zona de rebaixamento. André Lima e Tréllez, duas vezes, marcaram os gols do Leão. Com o resultado, a equipe comandada por Vagner Mancini chega aos 43 pontos e só depende de si para permanecer na Série A. O final do jogo ainda foi marcado por cenas lamentáveis. Os torcedores da Macaca invadiram o campo e protagonizaram uma confusão que culminou no fim da partida aos 39 minutos do segundo tempo.

    O próximo confronto do clube baiano será contra o Flamengo, às 16h (horário da Bahia) do próximo domingo (3), no Baradão, pela última rodada do Brasileirão. Com a pontuação, o Leão chegou à 15ª colocação na tabela.

    O JOGO

    Ponte abre o placar

    Logo no início do jogo, uma ducha de água fria sobre o time rubro-negro. Lucca recebe a bola livre na esquerda. O atacante enche o pé. A bola ainda desvia de leve em Geferson e engana Fernando Miguel: 1 a 0

    Ponte Preta aumenta

    O Vitória estava irreconhecível. Aos 15 minutos, Wallace cometeu pênalti ao puxar Lucca dentro da área. Danilo Barcelos deslocou Fernando Miguel na cobrança e ampliou o placar: 2 a 0

    Zagueiro da Ponte Preta expulso

    Aos 21 minutos, um lance curioso. O zagueiro Rodrigo deu uma “dedada” no atacante Tréllez e foi expulso de forma direta

    David perde o gol

    Aos 45 minutos, o goleiro Aranha defendeu a primeira bola chutada ao seu gol. Carlos Eduardo exigiu boa defesa. Na sobra, sozinho, David chutou em cima do arqueiro

    Segundo tempo e gol do Vitória
    O Vitória tinha a posse de bola, mas não chegava com qualidade. No entanto, aos 12 minutos, conseguiu colocar a bola para o fundo das redes. Na cobrança de escanteio, André Lima apareceu
    Empate do Vitória
    O Rubro-negro empatou em menos de três minutos. Tréllez chutou de fora da área. A bola desviou no meio do caminho e enganou o goleiro Aranha

    Loucura: esta palavra pode definir o jogo. Aos 37 minutos, Tréllez recebeu cruzamento na medida e empurrou a bola para o fundo das redes: 3 a 2

    Cenas lamentáveis

    Após o gol do Vitória, torcedores da Ponte perderam a cabeça e invadiram o campo. Jogadores rapidamente correram para os vestiários. O goleiro Aranha, inclusive, foi cercado pela torcida dentro de campo

    FICHA TÉCNICA
    Ponte Preta x Vitória
    Campeonato Brasileiro – 37ª rodada

    Local: Moisés Lucarelli, em Campinas (SP)
    Data: 26/11/2017
    Horário: 16h (de Salvador)
    Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG/Fifa)
    Assistentes: Guilherme Dias Camilo (MG/Fifa) e Sidmar dos Santos Meurer (MG)
    Assistentes adicionais: Wanderson Alves de Souza (MG) e Jeferson Antônio da Costa (MG)
    Cartões amarelos: Geferson, Wallace, Yago, Kanu, Uillian Correia e Tréllez(VIT); Jeferson, Renato Cajá e Danilo Barcelos (PON)
    Cartão vermelho: Rodrigo (PON)
    Gols: Lucca, Danilo Barcelos (PON); André Lima e Tréllez (2x) (VIT)

    Ponte Preta: Aranha, Nino Paraíba, Rodrigo, Luan Peres e Jeferson; Elton, Wendel (Renato Cajá), Danilo Barcelos e Léo Artur (Marllon); Lucca e Léo Gamalho (Saraiva). Técnico: Eduardo Baptista.

    Vitória: Fernando Miguel; Patric, Kanu, Wallace e Geferson; Ramon (Carlos Eduardo), Uillian Correia, Yago e Neilton (Danilinho); David (Carlos Eduardo) e Tréllez. Técnico: Vagner Mancini